ESTHER

Leon
Foto: Leon

 

Na linha de montagem do novo avião supersónico militar, de uma cor invulgarmente escura e não refletora de luz, a quem chamam vantablack, e revestido por uma película macia e anecoica que o tornará imune à ciência e paciência dos radares, a engenheira espacial Esther B. Godwell, filha de um pastor cristão ultraconservador, e membro ela própria de uma seita adventícia, proferiu palavras que se repetem e usam agora como um slôgane: «Para o bem comum: indetetável, imprevisível, inelutável, como a própria mão de Deus!»

Anúncios